Informações

Webinar sobre as pesquisas da Escola de Comunicação em andamento, promovidas pelos professores pesquisadores, com o propósito de atualizar o corpo acadêmico do estado da arte das pesquisas em curso, bem como incentivar os alunos de graduação a participar das atividades de iniciação científica.

Carregando área de inscrição

Palestrantes

Saiba mais

Luiz Antônio Signates Freitas

Saiba mais

Rogério Borges

Saiba mais

Noêmia Felix da Silva

Saiba mais

Luciana Hidemi Nomura

Saiba mais

Patricia Quitero Rosenzweig

Saiba mais

Núbia Simão

Saiba mais

Gabriella Luccianni Morais Souza Calaça

Programação:

Iniciação cientifica: o andamento das pesquisas da Escola de Comunicação PUC Goiás Colóquio · Luciana Hidemi Nomura, Núbia Simão, Patricia Quitero Rosenzweig

Credenciamento

O participante deve se inscrever aqui no Doity, entrar na sala do Teams  referente ao 2ª Coloquio no horário do evento

Só receberão certificados, os participantes de assinarem a lista de presença que estará disponivel no chat durante o evento. A não assinatura da lista não da direito ao certificado de 3h.

Evento online

Data: 21/05/2020 às 19:00

Escola de Comunicação PUC Goiás

Escola de Comunicação PUC Goiás

Luiz Antônio Signates Freitas

PUC Goiás


Professor associado III da Universidade Federal de Goiás, junto ao Mestrado/Doutorado em Comunicação, na linha Mídia e Cidadania e docente efetivo do Mestrado/Doutorado em Ciências da Religião, na linha Cultura e Sistemas Simbólicos, da Pontifícia Universidade Católica de Goiás. Leciona também nos Cursos de Jornalismo de ambas as instituições. É Pós-Doutor em Epistemologia da Comunicação (Unisinos), Doutor em Ciências da Comunicação (USP), Mestre em Comunicação (UnB), Especialista em Políticas Públicas (UFG) e graduado em Comunicação Social - Jornalismo (UFG). Fundador e membro das Academias de Letras de Goiânia e de Aparecida de Goiânia. Sócio-Proprietário do Instituto Signates Consultoria, Pesquisa e Editoração Ltda. Pesquisador-cooperador da Associação Espírita de Pesquisas em Ciências Humanas e Sociais - AEPHUS. Cooperador da Associação Brasileira Espírita de Defesa dos Direitos Humanos e Cultura da Paz - Abrepaz. Coordena os Núcleos de Pesquisa em Comunicação, Cidadania e Política (NPCCP/UFG), Comunicação e Religiosidade (NPC-Cor/UFG) e o Grupo de Pesquisa Interdisciplinar sobre o Espiritualismo Brasileiro e Internacional (Interespírito). É pesquisador nas áreas de Comunicação e de Ciências da Religião. No campo científico da comunicação, atua principalmente nas temáticas: ecologia da comunicação, epistemologia e metodologia da pesquisa em comunicação, comunicação e política, comunicação e religiosidade, comunicação e cidadania, e comunicação e teoria social crítica. Na área de ciências da religião, dedica-se ao estudo do espiritualismo brasileiro, com enfoques ecológico, antropológico, sociológico e comunicacional. Autor dos livros: "A sombra e o avesso da lua: Habermas e a comunicação social" (Goiânia: Kelps, 2009); "Cidadania comunicacional: teoria, epistemologia e pesquisa" (Goiânia: UFG, 2016); "Política no feminino? A imagem da mulher candidata nas eleições municipais de Goiânia" (Goiânia: Grafset, 2010).

Rogério Borges

PUC-GO


Graduado em Comunicação Social com habilitação em Jornalismo pela Faculdade de Comunicação e Biblioteconomia da Universidade Federal de Goiás (UFG), instituição pela qual também é especialista em Assessoria de Comunicação. Tem Mestrado em Estudos Literários e Linguística pela Faculdade de Letras da Universidade Federal de Goiás. Doutor em Comunicação pela Universidade de Brasília (UnB).  Repórter especial do jornal O Popular. É um dos fundadores e atual editor-executivo do site Ermira Cultura (ermiracultura.com.br), especializado em Jornalismo Cultural.

Noêmia Felix da Silva

PUC Goiás


Doutora em comunicação pela Universidade de Brasilia (2017) com pesquisa na área de jornalismo e meio ambiente e análise discursivas. Mestre em comunicação e Política pela UnB (2005), também  é Especialista em História pela UFG (2002) e graduada em Jornalismo pela Universidade Federal de Goiás (1998). Atualmente é professora em Tempo Integral da Pontifícia Universidade Católica de Goiás. Tem experiência na área de Comunicação, com ênfase em Comunicação e Meio Ambiente, Análise de Discurso, e a relação da Comunicação com a Política, Ciência e espaço público e cidadania. Parecerista do Encontro Nacional de Pesquisadores em Jornalismo Ambiental e da Sociedade Brasileira de Pesquisadores de Jornalismo e da Sociedade Brasileira de Pesquisa em Jornalismo.

Luciana Hidemi Nomura

PUC Goiás


Doutora em Arte e Cultura Visual (2017) pela UFG, mestre em Cultura Visual pela Universidade Federal de Goiás (2011) e bacharel em Publicidade e Propaganda pela Pontifícia Universidade Católica de Goiás (2008). Tem experiência e produção científica na área de Comunicação, Cultura Digital, Artes e Visualidades. Atualmente é professora efetiva tempo integral (TI - Assistente I) da Pontifícia Universidade Católica de Goiás (PUC-GO), lotada no curso de Publicidade e Propaganda - Escola de Comunicação.

Patricia Quitero Rosenzweig

PUC Goiás


Bacharel em Comunicação social: Publicidade e Propaganda (PUCCAMP), Mestre em Cultura Visual, na área de concentração em Processos e Sistemas visuais (PPGAV /UFG 2008), há 16 anos na carreira docente, Patrícia Quitero Rosenzweig é aluna do programa de doutorado em Arte e Cultura Visual (PPGAV/UFG) Professora Assistente II da PUC Goiás desde 2006. Coordenou o curso de Graduação da PUC Goiás até o ano de 2010. Atuou na assessoria da DICOM PUC Goiás (2009 ? 2011) e implantou as redes sociais da universidade. Coordena dois cursos de especialização lato sensu em Goiânia: Comunicação Estratégica PUC Goiás (2011?2017) e Comunicação Audiovisual e Mídias Digitais FASAM (2015-2017), ministra disciplinas na área de criação e produção audiovisual. O âmbito da sua pesquisa evoca as relações culturais da audiovisualidade em deslocamento (cinema, web series). Com ênfase nas significaçõese representações culturais das minorias. Seus estudos envolvem o conteúdo comunicacional da imagem contemporânea em movimento, sua recepção e o impacto dessas visualidades em um cotidiano cada vez mais fluido, efêmero e rarefeito. As produções científicas, em andamento, englobam os parâmetros de (re)contextualização da linguagem audiovisual e a construção da montagem audiovisual para além da justaposição de fragmentos fílmicos. Fundamentada sob a perspectiva pós-linguística, objetiva deflagrar reflexões acerca das midiatizações das imagens, que evocam contextos e moldam as práticas subjetivas e culturais do espectador. Assim, sua pesquisa se concentra na produção e na recepção dessas visualidades.

Núbia Simão

PUC Goiás


Mestre em Comunicação Social, linha Mídia e Cidadania, pela Faculdade de Informação e Comunicação, da Universidade Federal de Goiás- UFG (2012). Especialista em Gestão Pública pela Universidade Estadual de Goiás- UEG (2008), Bacharel em Ciências Econômicas pela Universidade Estadual de Goiás- UEG (2006), Bacharel em Comunicação Social, habilitação Jornalismo, pela Universidade Federal de Goiás - UFG (2007). Atualmente é coordenadora do programa de Direitos Humanos da Coordenação de Extensão da PUC-GO e atua como pesquisadora financiada pela PROPE- PUC-GO coordenando o projeto: IDENTIDADE INSTITUCIONAL- UM ESTUDO SOBRE A EXPANSÃO DOS CURSOS DE GRADUAÇÃO NA UFG NA RECONFIGURAÇÃO DO CAMPO UNIVERSITÁRIO BRASILEIRO- ANÁLISE DE CONTEÚDO DO JORNAL UFG. Na UFG participa dos grupos de pesquisa: Telejornalismo e responsabilidade social e Processos Midiáticos e cidadania. É professora do quadro efetivo da Pontifícia Universidade Católica de Goiás- PUC-GO para a disciplina de Assessoria de Comunicação, também ministra aulas de Comunicação e produção de Sentidos, Planejamento de Comunicação Integrada e orienta trabalhos de Conclusão de Curso. É membro da extensão do Programa de Direitos Humanos PDH- PUC-GO. Atua na gestão pedagógica do curso de Publicidade e Propaganda - PUC-GO. Autora do livro: A Face Obsscura da Esfinge Midiática, de 2017. Um estudo sobre o consumo das marcas e a violência simbólica e física por jovens conflito com a lei. Sua dissertação de mestrado teve como objetivo analisar a influência da demanda por bens não-duráveis na recepção de imagens e informações de violência por adolescentes em conflito com a lei. Na área de Economia dedica-se ao estudo da reestruturação produtiva, com ênfase nas relações trabalhistas no final do século XX. Na área de educação à distância tem formação no curso de disseminadores de Educação Fiscal, pela ESAF (2009). Possui experiência em Educação à distância - EaD pela Universidade Federal de Goiás, atuando como orientadora acadêmica do curso de pós-graduação em Mídias na Educação e em Gestão Pública. Possui experiência em Coordenação de curso de graduação e demais atividades administrativas e pedagógicas. Atuou como pesquisadora sênior do livro "Mulheres do sol e da lua". E É autora do capítulo "Comunicação e Televisão", do livro "Pesquisar com Bourdieu". Além de integrar os seguintes projetos de pesquisa: "Influências da mídia na inserção da mulher no mercado informal de trabalho: Cidadania, Mulher e Trabalho" (financiado pelo CNPQ), "Processos midiáticos e cidadania" e "Violência criminalizada em Goiânia, cidadania e direitos humanos

Gabriella Luccianni Morais Souza Calaça

PUC Goiás


- Professora do curso de Jornalismo da PUC Goiás nas áreas de assessoria de comunicação e redação jornalística;
- Mestre em Mídia e Cidadania pela UFG; 
- Especialista em Comunicação e Educação pela Universidade Autônoma de Barcelona;
- Jornalista pela UFG.