III Encontro Nacional da EJA-EPT (Proeja) da Rede Federal

1 de outubro de 2020, 19h00 até 4 de outubro de 2020, 20h00
Online. Transmissão via Doity Play

Informações

O III Encontro Nacional de Educação de Jovens e Adultos integrada à Educação Profissional e Tecnológica (EJA-EPT) da Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica tem por objetivo promover a continuidade dos diálogos intersetoriais e interinstitucionais, das trocas de experiências educativas e da identificação da unidade no diverso, ou seja, daquilo que vai se constituindo como a identidade da EJA-EPT na Rede Federal, além de possibilitar um levantamento dos principais obstáculos que essa modalidade de ensino tem enfrentado nas instituições que compõem a Rede Federal.

Nesse sentido, entende-se que a manutenção desses diálogos e reflexões, iniciados em 2018 por meio do I Encontro Nacional da EJA-EPT (Proeja) realizado em Goiânia/GO, e aprofundados em 2019 no II Encontro Nacional da EJA-EPT (Proeja) realizado em Londrina/PR, constitui-se em ação fundamental e necessária para o fortalecimento e a continuidade desse vínculo consolidado diante de um panorama incerto para EJA-EPT no país e na Rede.

Diante do cenário de incertezas decorrentes do Estado de Emergência em Saúde Pública decretado em razão da pandemia de COVID-19, e em decorrência disso, considerando a suspensão das atividades acadêmicas dos Institutos Federais em todo país, teremos a realização da 3ª Edição do evento totalmente on line, sendo o Instituto Federal de Alagoas a instituição responsável pela sua realização. O tema deste ano será “Tempos de Aprendizagens: uma reflexão sobre acesso, permanência e êxito dos estudantes da EJA/EPT”.

A partir de segunda-feira (05/10), todas as transmissões estarão disponíveis no Canal do YouTube do 3º Encontro Nacional da EJA-EPT (Proeja) da Rede Federal.

Carregando área de inscrição

Submissão de Trabalhos

Clique no botão abaixo para acessar a área de submissão de trabalhos e enviar seus trabalhos

Área de submissão

Palestrantes

Saiba mais

Miguel Gonzalez Arroyo

Saiba mais

Jane Paiva

Saiba mais

Jailson Costa da Silva

Saiba mais

Maria Margarida Machado

Saiba mais

Dante Henrique Moura

Saiba mais

Claudina Azevedo Maximiano

Saiba mais

Oneida Cristina Gomes Barcelos Irigon

Saiba mais

Maria Cledilma Ferreira da Silva Costa

Saiba mais

Joana Célia dos Passos

Saiba mais

Gerson Tavares do Carmo

Saiba mais

Marinaide Lima de Queiroz Freitas

Saiba mais

Jaqueline Moll

Saiba mais

Janayna Silva Cavalcante de Lima

Saiba mais

Carlos Arthur de Carvalho Arêas

Programação:

Solenidade de Abertura Abertura · Miguel Gonzalez Arroyo

Estudar em tempos de pandemia: com a palavra, os estudantes Apresentação Oral

Apresentação Artística Apresentação Artística

Palestra - 'Do olhar 'di' ver cidade à FENEARTE: construção de um trajetória Palestra

Histórias que merecem ser contadas: experiências de servidoras e servidoras na EJA-EPT Lançamento de Livro

Apresentação artística 1 Apresentação Artística

Memória, Avaliação e (novas) Proposições para EJA-EPT Encerramento

Mesa 1: Formação de educadores da EJA-EPT(PROEJA): relações de múltiplos aprendizados e criação cotidiana Mesa Temática · Jailson Costa da Silva, Jane Paiva

Mesa 2: As possibilidades expansão da EJA-EPT (PROEJA) na Rede Federal Mesa Temática · Jaqueline Moll, Maria Cledilma Ferreira da Silva Costa, Oneida Cristina Gomes Barcelos Irigon

Mesa 3: História da EJA e da EJA-EPT (PROEJA) e seus desdobramentos em tempos de pandemia Mesa Temática · Dante Henrique Moura, Maria Margarida Machado

Mesa 4: Os Sujeitos da EJA: um recorte para as questões de Gênero e Relações étnico raciais Mesa Temática · Claudina Azevedo Maximiano, Janayna Silva Cavalcante de Lima, Joana Célia dos Passos

Mesa 5: Acesso e Permanência na EJA  Mesa Temática · Carlos Arthur de Carvalho Arêas, Gerson Tavares do Carmo, Marinaide Lima de Queiroz Freitas

Sessão de Comunicação: Formação docente para EJA-EPT pt.1 Apresentação Oral

Sessão de Comunicação: Acesso, Permanência e êxito na EJA-EPT pt.1 Apresentação Oral

Sessão de Comunicação: Gestão da EJA-EPT pt.1 Apresentação Oral

Sessão de Comunicação: Trajetória dos Estudantes na EJA-EPT pt.1 Apresentação Oral

Sessão de Comunicação: Currículo Integrado na EJA-EPT pt.1 Apresentação Oral

Sessão de Comunicação: Metodologias e material didático para EJA-EPT pt.1 Apresentação Oral

Sessão de Comunicação: Identidades, gênero e etnicidade na EJA-EPT pt.1 Apresentação Oral

Sessão de Comunicação: Formação docente para EJA-EPT pt.2 Apresentação Oral

Sessão de Comunicação: Acesso, Permanência e êxito na EJA-EPT pt.2 Apresentação Oral

Sessão de Comunicação: Gestão da EJA-EPT pt.2 Apresentação Oral

Sessão de Comunicação: Trajetória dos Estudantes na EJA-EPT pt.2 Apresentação Oral

Sessão de Comunicação: Currículo Integrado na EJA-EPT pt.2 Apresentação Oral

Sessão de Comunicação: Identidades, gênero e etnicidade na EJA-EPT pt.2 Apresentação Oral

Sessão de Comunicação: Metodologias e material didático para EJA-EPT pt.2 Apresentação Oral

Relatos de Experiências: Formação docente para EJA-EPT pt.1 Apresentação Oral

Relatos de Experiências: Acesso, Permanência e êxito na EJA-EPT pt.1 Apresentação Oral

Relatos de Experiências: Gestão da EJA-EPT pt.1 Apresentação Oral

Relatos de Experiências: Trajetória dos Estudantes na EJA-EPT pt.1 Apresentação Oral

Relatos de Experiências: Currículo Integrado na EJA-EPT pt.1 Apresentação Oral

Relatos de Experiências: Metodologias e material didático para EJA-EPT pt.1 Apresentação Oral

Relatos de Experiências: Identidades, gênero e etnicidade na EJA-EPT pt.1 Apresentação Oral

Relatos de Experiências: Formação docente para EJA-EPT pt.2 Apresentação Oral

Relatos de Experiências: Acesso, Permanência e êxito na EJA-EPT pt.2 Apresentação Oral

Relatos de Experiências: Gestão da EJA-EPT pt.2 Apresentação Oral

Relatos de Experiências: Trajetória dos Estudantes na EJA-EPT pt.2 Apresentação Oral

Relatos de Experiências: Currículo Integrado na EJA-EPT pt.2 Apresentação Oral

Relatos de Experiências: Metodologias e material didático para EJA-EPT pt.2 Apresentação Oral

Relatos de Experiências: Identidades, gênero e etnicidade na EJA-EPT pt.2 Apresentação Oral

Credenciamento

Sem credenciamento - evento virtual (online)

Evento online

Data: 01/10/2020 - 04/10/2020 às 19:00

Instituto Federal de Alagoas - IFAL

O Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Alagoas, também denominado Instituto Federal de Alagoas (Ifal), trata-se de uma instituição de educação profissional e superior, vinculada à Secretaria de Educação Profissional e Tecnologia do Ministério da Educação (Setec/MEC) e que detém autonomia administrativa, patrimonial, financeira, didático-pedagógica e disciplinar equiparada às universidades federais.

Com esse status, o Ifal é um complexo de educação que engloba pesquisa, extensão e ensino desde a formação básica à pós-graduação, proporcionando, deste modo, uma formação integral ao cidadão, por intermédio dos cursos de formação inicial, técnicos, superiores de tecnologia, bacharelado, de licenciatura e pós-graduação lato sensu e stricto sensu.

O Ifal é composto pela Reitoria e cinco pró-reitorias (Ensino; Pesquisa, Pós-Graduação e Inovação; Extensão; Desenvolvimento Institucional e Administração e Planejamento). Possui mais de 1800 servidores e atende a mais de 20 mil estudantes, de modo a contribuir para a formação profissional e inserção de jovens e adultos no mundo do trabalho, com credibilidade e qualidade de ensino.

Miguel Gonzalez Arroyo

UFMG


Possui graduação em Ciências Sociais pela Universidade Federal de Minas Gerais (1970), mestrado em Ciência Política pela Universidade Federal de Minas Gerais (1974) e doutorado (PhD em Educação) - Stanford University (1976). É Professor Titular Emérito da Faculdade de Educação da UFMG. Foi Secretário Adjunto de Educação da Prefeitura Municipal de Belo Horizonte, coordenando e elaborando a implantação da proposta político-pedagógica Escola Plural. Acompanha propostas educativas em várias redes estaduais e municipais do país. Tem experiência na área de Educação, com ênfase em Política Educacional e Administração de Sistemas Educacionais, atuando principalmente nos seguintes temas: educação, cultura escolar, gestão escolar, educação básica e currículo.

Jane Paiva

UERJ


Professora do Programa de Pós-Graduação em Educação (ProPed) e da Faculdade de Educação da Universidade do Estado do Rio de Janeiro. Procientista UERJ/Faperj, Cientista do Nosso Estado (Faperj) e Produtividade 2 CNPq. Pós-doc (bolsa Estágio Sênior Capes) no Centro de Investigación y de Estudios Avanzados del IPN (CINVESTAV/ Ciudad del México). Doutorado em Educação pela Universidade Federal Fluminense (2005) e Mestrado em Educação pela Universidade Federal Fluminense (1995). Licenciada em Didática da Biologia e da Higiene Escolar - Pedagogia (1973); e Licenciada e Bacharel em Ciências Biológicas (1976). Pesquisadora com experiência na área de educação, com ênfase em Educação de Jovens e Adultos, atuando principalmente nos seguintes temas de pesquisa: educação de jovens e adultos: memória e preservação de acervos; políticas públicas de alfabetização e de educação de jovens e adultos; de educação continuada e aprendizagem ao longo da vida; educação em prisões; leitura e escrita; educação profissional na EJA; formação de pedagogos e de professores para o campo da Educação de Jovens e Adultos e formação continuada.

Jailson Costa da Silva

IFAL


Professor do curso de licenciatura em Física do Instituto Federal de Alagoas (IFAL - Campus Piranhas), área: Formação de Professores. Doutor em Educação pela Universidade Federal de Alagoas - UFAL, com período sanduíche no Programa de Pós-graduação em Educação (ProPEd) da Universidade do Estado do Rio de Janeiro - UERJ. Mestre em Educação pela UFAL (2013). Especialista em Inspeção e Coordenação Pedagógica. Possui graduação em pedagogia pela Universidade Estadual de Alagoas - UNEAL (2010). Membro da Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Educação (ANPEd). Líder do Grupo Interdisciplinar de Pesquisas em Educação de Jovens e Adultos (GIPEJA/IFAL/CNPq), Vice-líder do Grupo de Pesquisa Multidisciplinar em Educação de Jovens e Adultos (MULTIEJA/UFAL/CNPq), membro do Grupo de Pesquisa Aprendizados ao longo da vida: sujeitos, políticas e processos educativos (ProPEd/UERJ/CNPq). Tem experiência docente na área de Educação de Jovens e Adultos (EJA), no Ensino Fundamental I e II e na Formação Docente em nível superior, como professor substituto do Centro de Educação (CEDU - UFAL - 2016-2017), com atuação na área de didática e práticas de ensino. Desenvolve pesquisas no campo da História e Política, sob os enfoques da História Oral e Memória.

Maria Margarida Machado

UFG


Graduada em História, especialista em políticas públicas, mestre em Educação pela Universidade Federal de Goiás (1997) e doutora em Educação: História, Política, Sociedade pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (2002). Vice-diretora e coordenadora de graduação da Faculdade de Educação da UFG, no período de 2002 a 2004. No período de 2004 a 2006 foi coordenadora pedagógica do Departamento de Educação de Jovens e Adultos da SECAD/MEC.Vice-diretora e coordenadora das disciplinas de licenciatura da Faculdade de Educação da UFG, no período de 2010 a 2013. Presidenta da Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Educação (ANPEd), no período de 2013 a 2015. Coordenou de 2010 a 2015 o Projeto Centro Memória Viva - Documentação e referência em EJA, educação popular e movimentos sociais do Centro Oeste e Coordenou de 2013 a Fev/2016 a rede de pesquisa do Observatório da Educação da Capes que envolve UFG, Unb e UFES. Realizou no ano de 2016 Estágio Pós-Doutoral na Universidade de Sevilha na Espanha. Atualmente é professora Titular da Universidade Federal de Goiás, na Faculdade de Educação. Atua em pesquisas com referencial teórico e metodológico das histórias de vida, da análise de políticas públicas, do aprofundamento de categorias gramscianas de análise, a partir dos seguintes temas: educação de jovens e adultos trabalhadores, política de EJA em nível nacional e no Estado de Goiás.

Dante Henrique Moura

IFRN


Garduado em Engenharia Elétrica pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte (1986) e doutorado em Educação pela Universidade Complutense de Madri (2003). É professor do IFRN desde 1986, onde leciona disciplinas do núcleo Formação Pedagógica nas licenciaturas oferecidas pela Instituição. De 2010 a 2012 coordenou o processo de elaboração da proposta de criação do Programa de Pós-graduação em Educação Profissional do IFRN - mestrado acadêmico ? (PPGEP), o qual foi aprovado pela CAPES em 2012. Coordenou esse Programa de 2013 a agosto de 2017. Em 2018 participou da elaboração do projeto do curso de doutorado no âmbito do PPGEP, o qual foi aprovado pela CAPES em 2018. A partir de setembro de 2019 voltou a coordenar o PPGEP/IFRN. Tem experiência na área de administração educacional, sendo que no IFRN já exerceu, dentre outras funções, a de Vice-Diretor Geral (1996-1998) e a de Diretor de Ensino (2004-2005). Coordenou a elaboração de vários projetos institucionais, dentre eles o Redimensionamento do Projeto Político-Pedagógico da Instituição (2004-2006). Participou (2005 a 2007) dos Grupos de Trabalho que elaboraram, no âmbito do MEC, os Documentos Base do Programa Nacional de Integração da Educação Profissional com a Educação Básica na Modalidade de Educação de Jovens e Adultos ? PROEJA (Ensino Fundamental e Ensino Médio) e do Ensino médio integrado aos cursos técnicos de nível médio. A partir de 2010 passou a integrar o corpo docente do PPGEd/UFRN, onde é orientador de mestrado e de doutorado. É pesquisador em educação, atuando principalmente em Políticas Educacionais e Trabalho e Educação, com ênfase no campo da educação profissional e em sua integração com a educação básica e com a educação de jovens e adultos. É um dos fundadores do Núcleo de Pesquisa em Educação (NUPED) do IFRN, sendo atualmente seu coordenador. Coordenou o FORPRED Nordeste de outubro de 2015 a agosto de 2017. Integrou o Comitê Científico da ANPEd, representando o GT09 (Trabalho e Educação), de outubro de 2015 a outubro de 2017. Coordenou o GT09 da Anped de outubro de 2017 a outubro de 2019.

Claudina Azevedo Maximiano

IFAM


Possui graduação em Ciências Sociais pela Universidade Federal do Pará (2003), mestrado em Sociedade e Cultura na Amazônia pela Universidade Federal do Amazonas (2008) e doutorado em Antropologia Social pela Universidade Federal do Amazonas (2015). Atualmente é professora do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Amazonas. Tem experiência na área de Antropologia, com ênfase em Antropologia, atuando principalmente nos seguintes temas: educação indígena, cidade, amazônia, agroecologia e adolescentes e jovens indígenas. Coordenadora do Núcleo de Estudos e Pesquisa Afro-brasileira e Indígena (NEABI). Coordenadora do Minilaboratório de Cartografia Social e Técnicas de Gestão Territorial do IFAM/campus Lábrea.

Oneida Cristina Gomes Barcelos Irigon

IFG


Possui graduação em Pedagogia e Especialização em Gestão: Educação e Ensino pela Faculdade de Filosofia e Ciências Humanas de Gurupi (1996), Mestrado em Educação pela Universidade Federal de Goiás (2006) e Doutoranda em Educação pela Universidade Santiago de Compostela/Espanha. Atualmente é Pró-Reitora de Ensino e professora concursada no Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Estado de Goiás. Tem experiência na área de Gestão e de Educação, com ênfase em Didática e Organização do Trabalho Pedagógico, atuando principalmente nos seguintes temas: formação de professores (especificamente a formação continuada), educação de jovens e adultos, práticas formativas, processo de ensino-aprendizagem, prática de ensino e estágio supervisionado.

Maria Cledilma Ferreira da Silva Costa

IFAL


Licenciada em Pedagogia pela Universidade Estadual de Alagoas - Uneal (2001), Mestre (2011) e Doutoranda em Educação pelo PPGE/CEDU/Ufal. Exerceu a docência tanto na educação básica (1996 a 2004) - redes municipal e estadual - quanto no ensino superior (2004-2015) ? Uneal. Na rede municipal, assumiu Direção Escolar e Coordenação Pedagógica (2001-2004). Na Uneal, foi Gerente de Extensão e Relações Comunitárias e no Campus II ? Santana do Ipanema, assumiu a Coordenação de Polo - Programa Especial para Graduação de Professores / PGP, a Vice-Coordenação do Curso de Pedagogia e a Coordenação de Área de Pedagogia - Pibid/Uneal/Capes. Ingressou no Ifal ? Campus Maceió, como docente da área de Formação de Professores, em 2010, e participou dos Colegiados dos Cursos de Licenciatura em Matemática, Ciências Biológicas, Química e Letras-Português. Foi Coordenadora de Gestão de Área de Processos Educacionais - Pibid/Ifal/Capes e assumiu a Coordenação do Laboratório Interdisciplinar de Formação de Educadores ? Life/Ifal/Capes. Assumiu a Chefia do Departamento de Graduação ?Degrad/Proen/Ifal (2015-2019) e está Pró-Reitora de Ensino do Ifal, desde junho de 2019. É Vice-líder do Grupo de Pesquisa sobre Estado, Políticas Sociais e Educação Brasileira (GEPE/Ufal). Tem experiência na área de Educação, com ênfase em história da educação, políticas educacionais, educação profissional, formação e profissão docente.

Joana Célia dos Passos

UFSC


Ativista do Movimento, possui Mestrado (1997) e Doutorado em Educação (2010) pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) com pós doutorado em Sociologia Política. É professora no Centro de Ciências da Educação/UFSC na disciplina Diferença, Estigma e Educação. Coordena o grupo de estudos e pesquisas Alteritas: Diferença, Arte e Educação, é pesquisadora no Núcleo Vida e Cuidado (NUVIC) ambos do Centro de Educação da UFSC e pesquisadora associada ao Instituto Nacional de Ciência e Tecnologia em Inclusão no Ensino Superior e na Pesquisa ? Núcleo de Santa Catarina (INCTi-SC/UFSC) e do Instituto Estudos de Gênero (IEG). Foi consultora da UNESCO e do PNUD na formulação de políticas de educação de jovens e adultos. É membro da La Red Interuniversitaria Educación Superior y Pueblos Indígenas y Afrodescendientes en América Latina (RED ESIAL) e membro associada da Associação Brasileira de Pesquisadores/as Negros/as (ABPN). Integra a coordenação da Red de Investigaciones Afrolatinoamericanas (RIALA). É professora no Programa de Pós Graduação em Educação (PPGE) e no Programa de Pós Graduação Interdisciplinar de Ciências Humanas (PPGICH). Desenvolve pesquisas em Educação e Relações Raciais e ações afirmativas, com o foco na população negra.

Gerson Tavares do Carmo

IFFluminense


Professor associado da Universidade Estadual do Norte Fluminense Darcy Ribeiro (UENF) desde 2011, lotado no Laboratório de Estudos de Educação e Linguagem (LEEL), credenciado nos Programas de Pós-Graduação de Cognição e Linguagem e de Sociologia Política. Bacharelado em Administração Pública na FGV-RJ, Mestrado em Cognição e Linguagem e Doutorado em Sociologia Política, ambos na UENF. Pós-Doutorado em Sociologia Pragmática na Universidade Nova de Lisboa. Coordenador do Curso EaD Pedagogia UENF/CEDERJ. Vice-líder do Núcleo de Estudos sobre Acesso e Permanência na Educação (IFF/UENF). Principal área de atuação: Educação de Jovens e Adultos. Principal tema de interesse: permanência e êxito na educação.

Marinaide Lima de Queiroz Freitas

UFAL


Possui Pós-doutorado em Educação - área de Formação docente, na Faculdade de Psicologia e Ciências da Educação na Universidade do Porto - Portugal.Tem doutorado em Linguística pela Universidade Federal de Alagoas (2002).Graduada em Pedagogia na Universidade Federal de Alagoas (1970). Atualmente é professora associada 2. Vice-coordenadora do Comitê Científico da ANPED, representando o GT 18 - Educação de Pessoas Jovens e Adultas (2017-2019). Coordenadora do Comitê Científico da ANPED, representando o GT 18 - Educação de Pessoas Jovens e Adultas. Coordenadora do GT 18 no Encontro de Pesquisa do Nordeste (EPEN-2019-2020) .É coordenadora do Núcleo de Estudo, Pesquisa e Extensão em Alfabetização do Centro de Educação da UFAL.Faz parte do Fórum Alagoano da Educação de Jovens e Adultos. É membro da Rede de Pesquisa Luso-brasileira em EJA. Faz parte da editoria da Revista Brasileira de Educação de Jovens e Adultos. E colaboradora do grupo de pesquisa Curriculo, Avaliação, Formaçao e Tecnologias Educativas CAFTe da Universidade do Porto sob a liderança da profa.Dra.Carlinda Leite. Tem experiência nas áreas de Educação e Linguagem com ênfase em Linguística Aplicada, atuando principalmente nos seguintes temas: Educação de jovens e adultos, Alfabetização, Currículo, Leitura, Formação docente, Livro didático. Docente na graduação de Pedagogia e no Mestrado e Doutorado em Educação Brasileira no Cedu/Ufal.

Jaqueline Moll

UFRGS e URI


Professora Titular da Faculdade de Educação da Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Cursou Graduação em Pedagogia pelo Centro de Ensino Superior de Erechim, Especialização em Alfabetização pela Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul, Especialização em Educação Popular pela Universidade do Vale do Rio dos Sinos, Mestrado em Educação pela Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul e Doutorado em Educação pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul, tendo realizado parte dos estudos na Universidade de Barcelona. Atualmente é professora-orientadora no Programa de Pós-Graduação de Educação em Ciências: química da vida e saúde da Universidade Federal do Rio Grande do Sul e Professora do Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade Regional Integrada do Alto Uruguai e das Missões, Câmpus de Frederico Westphalen. Foi Conselheira do Conselho Estadual de Educação do Rio Grande do Sul (2014-2018). Foi professora colaboradora da Universidade de Brasília (2006-2008). Trabalhou no Ministério da Educação (2005-2013), tendo exercido as funções de Diretora de Políticas e Articulação Institucional da Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica, Diretora de Educação Integral, Direitos Humanos e Cidadania da Secretaria de Educação Permanente, Alfabetização e Diversidade e Diretora de Currículos e Educação Integral da Secretaria de Educação Básica. Foi professora dos anos iniciais do ensino fundamental e ingressou no magistério superior em 1987 como professora da Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul, da Universidade do Vale do Rio dos Sinos e da Universidade Federal de Pelotas. Seu campo de trabalho e pesquisa educacional tem ênfase na área de políticas públicas e práticas pedagógicas, dialogando e construindo formas de intervenção nos temas da alfabetização, educação de jovens e adultos, fracasso escolar, pedagogias urbanas, relações entre escola e cidade, educação integral e ensino médio. Coordenou no Ministério da Educação a implantação do PROEJA (Programa de Educação de Jovens e Adultos Integrado a Educação Profissional), no período de 2005 a 2007, e do Programa Mais Educação, no período de 2008 a 2013, como estratégia para a indução da política de educação integral em tempo integral no Brasil. Fez pós-doutorado no Programa de Pós-Graduação em Educação da Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro, no período de agosto de 2015 a julho de 2016, sob a orientação da Profa. Dra. Ana Waleska Pollo Mendonça, na linha de pesquisa "Ideias e Instituições Educacionais".

Janayna Silva Cavalcante de Lima

UFPE


Professora do Departamento de Métodos e Técnicas do Ensino, do Curso de Pedagogia do Centro de Educação da Universidade Federal de Pernambuco. Doutora (2015) e Mestre (2006) em educação pelo Programa de Pós Graduação em Educação da UFPE. Graduada em Letras pela UFPE (2000), é também especialista em Gestão de Organizações Sociais pela Libertas/ UNICAP (2004). Com atuação profissional na área de Educação Popular, movimentos sociais e políticas públicas, leciona principalmente nas seguintes áreas: Didática e Currículo; Fundamentos da Educação; Educação de Jovens e Adultos, Educação para Diversidade e Fundamentos da Educação Popular. Realiza pesquisa sobre biopolíticas em práticas educacionais contemporâneas. Foi bolsista do Programa de Doutorado Sanduíche no Exterior, com apoio da CAPES.

Carlos Arthur de Carvalho Arêas

IFF


Possui graduação em Engenharia Mecânica pela Universidade Federal Fluminense (1990), especialização em Engenharia Mecânica pela PUC-RJ e mestrado em Administração pela Universidade Federal de Santa Catarina (2005), na Área de Concentração de Políticas e Gestão Institucional. É professor do Instituto Federal Fluminense, onde exerceu as funções de Diretor Geral de Campus, Diretor de Desenvolvimento Institucional e Extensão e Diretor de Planejamento Estratégico e Avaliação Institucional, entre outras. É membro do Núcleo de Pesquisa em Sistemas de Informação (NSI/IFF) desde 2009, e membro do Núcleo de Estudos sobre Acesso e permanência na Educação, desde 2019. Atuou na Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica do Ministério da Educação, entre 2012 e 2016, como Coordenador Geral de Fortalecimento dos Sistemas Públicos de Educação Profissional e Tecnológica e Diretor de Integração das Redes de Educação Profissional e Tecnológica, onde foram desenvolvidas diversas iniciativas vinculadas ao PRONATEC, como a Bolsa Formação, o Brasil Profissionalizado e a Rede e-Tec Brasil. Ocupa, desde 2017, a Pró-Reitoria de Ensino do Instituto Federal Fluminense.