Psicologia Escolar e relações raciais

No atual cenário brasileiro de ampliação do acesso e permanência estudantil no ensino superior, aliado à implementação de políticas públicas no ensino básico e fundamental, tem-se um fértil espaço para contribuição da Psicologia Escolar para igualdade racial, ao apostarmos na educação como uma via de emancipação e igualdade. Neste sentido, esta roda de conversa visa destacar possibilidades de enfrentamento ao racismo, bem como as subjetivações do corpo negro nos contextos educacionais de atuação da psicologia. Diante do histórico de desigualdades raciais no Brasil, é imperioso o enfrentamento do racismo institucional pela psicologia escolar nos contextos educacionais, bem como o fortalecimento de grupos tradicionalmente excluídos da educação, como a população negra. Com a compreensão de desenvolvimento humano contínuo nos processos de ensino e aprendizagem, ou seja, desde a infância e após a adultez, é regido da psicologia escolar práticas e defesas, que contemplem os diversos níveis de educação no que tange as subjetividades dos sujeitos, que ainda vivenciam o contexto de desigualdade racial.

Palestrantes:

Marília Carvalho Soares (CRP-03/2253)

Adriellede Matos Borges Teixeira (CRP-03/ 5864)

Matheus Asmassallan de Souza Ferreira

Leia mais... →

LOCAL DO EVENTO

Evento online
O link do evento ainda não foi informado