II Seminário Latino-Americano de Estudos em Cultura - SEMLACult

II Seminário Latino-Americano de Estudos em Cultura - SEMLACult

Faça sua inscrição
De 25 a 28 de setembro Todos os dias das 14h às 19h
Foz do Iguaçu, PR Universidade Federal da Integração Latino-Americana - UNILA

Sobre o Evento

ATENÇÃO: ESTE SITE É APENAS PARA INSCRIÇÕES E SUBMISSÃO DE TRABALHOS

 

SITE OFICIAL: WWW.CLAEC.ORG/SEMLACULT

 

O II Seminário Latino-Americano de Estudos em Cultura sob a temática “Integração e Multiculturalismo na América Latina: Perspectiva histórica e desafios no contexto atual” é uma iniciativa do CLAEC – Centro Latino-Americano de Estudos em Cultura em parceria com a UNILA - Universidade Federal da Integração Latino-Americana e com financiamento da CAPES - Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. O objetivo central da segunda edição do SEMLACULT é contribuir para a percepção e aprofundamento das questões sobre a multiculturalidade nos processos de integração entre os países da América Latina, considerando a diversidade cultural e social dos grupos étnicos da região. Baseado em desenvolver e dar continuidade a produção científica e cultural, incentivando a inovação e geração de conhecimentos, experiências e saberes no âmbito continental do nosso país, de forma a promover a diversidade cultural e a integração do conhecimento na América Latina, pensando na melhoria de qualidade da produção científica através de perspectivas diversas sobre a mesma área de conhecimento.

Site: www.claec.org/semlacult

Programação

14h00 Fórum Pré-SEMLACult - Palestra: La Integración de las Lénguas: Políticas Linguísticas en Paraguay e la resistencia de la cultura por el lenguaje Palestra
Local: indefinido
16h30 Fórum Pré-SEMLACult - Palestra: Movimientos Sociales, Identidades y Medios de Comunicación Aymara Palestra
Local: indefinido
08h00 Exposição fotográfica “Infância, Cultura e Tradição” Exposição
Local: Auditório

Exposição Fotográfica

13h00 Palestra: SESC São Paulo “Projeto Fricções” Palestra
Local: indefinido
14h00 Palestra e lançamento de livro: Projeto “Kamba’ã: Frutos del alma de la negritud” Palestra
Local: indefinido
15h00 Minicurso 02 – Tradução intercultural: experiências entre Paraguai e Brasil Minicurso
Local: indefinido.

Mini-curso de 4h que propõe pensar sobre tradução a partir da experiência da tradutora Daiane Pereira Rodrigues. Serão levantadas algumas questões linguísticas e culturais relacionadas tanto ao bilinguismo quanto à presença de alguns mitos e cosmovisão guarani no castelhano paraguaio. Além disso, serão discutidos alguns temas que parecem prevalecer em todos os trabalhos sobre tradução: o próprio conceito de tradução, a fidelidade ou impossibilidade de fidelidade, escolha pela estrutura ou pelo sentido, além da relação entre escolhas pessoais e exigências editoriais, que poucas vezes é abordada pela crítica. Assim, pretende-se discutir sobre o quanto é necessário ou não conhecer a cultura de um país ao traduzir literatura, já que, embora isso pareça obvio do ponto de vista dos estudos pragmáticos e culturais, se levado ao extremo nunca um tradutor poderá trabalhar sobre um texto sem ter vivido no contexto de produção desse texto.

15h00 Minicurso 04 – Memória coletiva e perspectivas: um exercício para valorização do patrimônio cultural Minicurso
Local: indefinido.

A oficina busca incentivar o exercício e o conhecimento da memória coletiva, frente à prática do design social para valorização do patrimônio cultural. Apresentam-se os conceitos de memória coletiva, objetos memoráveis, patrimônio cultural, entre outros. São realizadas atividades práticas para valorização do patrimônio cultural por meio de reconhecimento de objetos memoráveis e mapa cultural, visando a reaplicabilidade em comunidades e grupos sociais.

15h00 Minicurso 08 – Bolívar Echeverría y la interpretación marxista de la cultura Minicurso
Local: indefinido.

Esta propuesta de minicurso planea presentar la lectura marxista de la cultura a partir de la mirada del filósofo ecuatoriano Bolivar Echeverría, ya que creemos que aún no se
conoce sus importantes obras en Brasil mientras que en países como México ya señala nuevos caminos de investigación en las Ciencias Sociales. Creemos esencial dar a conocer sus principales aportes referentes a la crítica de la modernidad y a la cultura latinoamericana, explicadas por la práctica de un ethos barroco que no solo dice sobre hábitos y formas de comportamientos sino sobre las formas de acumulación capitalistas sobre las que se estructuran nuestras sociedades.

15h00 Minicurso 09 – Guarani multicultural: variações linguísticas a partir do contato com o português e com o espanhol na conjuntura de espaços de integração Minicurso
Local: indefinido.

A língua guarani, falada no Paraguai, Bolívia, Argentina e Brasil, vai se adaptando na sua sobrevivência no contato com as outras línguas de origens europeias. Obviamente como qualquer outra língua tem muitas diferencias locais, regionais e temporais entre si; assim percebemos que além das diferenças e similaridades na sua estrutura linguística, há outra diversidade que é a forma de escrever, quer dizer, com exceção do Paraguai e da Bolívia onde são oficiais determinadas pelo estado, a grafia é geralmente adotada pelos falantes locais que copiam a mesma grafia da outra língua que é oficial do país. Neste minicurso apresentaremos um pouco dos tópicos enunciados acima para despertar o interesse pela língua originária no contexto da integração regional.

19h00 Conferência de Abertura: “Política linguística e a Integração dos Povos” Conferência
Local: Auditório
08h00 Exposição fotográfica “Infância, Cultura e Tradição” Exposição
Local: Auditório

Exposição Fotográfica

13h00 Mesa Redonda 1 – Formação em Políticas e Gestão Cultural na América Latina Mesa-redonda
Local: Auditório Unila
14h30 Minicurso 03 – Processos de paz na Colômbia: Fatores, atores e múltiplos efeitos Minicurso
Local: indefinido.

O presente minicurso possui como objetivo estimular o conhecimento do público acerca dos processos de paz na Colômbia com o maior conflito armado da América Latina entre o Estado colombiano e o principal grupo guerrilheiro de oposição ao governo, as Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (FARC) fundada em 1964 com ideologias extremistas socialistas. Tal estudo será feito considerando os inúmeros atores do conflito, como os grupos guerrilheiros, políticos, oligarquia, paramilitares, exército estatal e vitimas, a partir dos antecedentes históricos da formação das FARC até o efetivo acordo de paz firmado em 2016.

14h30 Minicurso 05 – E no final ideal não terás domínio sobre mulher alguma: Reflexiones sobre feminismos decoloniales en los espacios de aprendizaje Minicurso
Local: indefinido.

En esta oficina invitaremos a realizar un viaje imaginario por diversos lugares, historias y experiencias de mujeres de América Latina, este viaje lo emprenderemos desde la exposición de imágenes y la disposición corporal a la escucha de paisajes sonoros. Esperamos propiciar un encuentro con la diversidad de lo que reconocemos como “mujeres latinoamericanas” sus luchas, apuestas y resistencias desde diferentes lenguajes y narrativas.

14h30 Minicurso 06 – Utilizando a teoria de mudança para fortalecer a coerência, comunicação e avaliação de iniciativas culturais Minicurso
Local: indefinido.

O mini-curso aqui proposto tem como objetivo geral “contribuir para qualificação de iniciativas culturais, especialmente no cenário latino-americano”. Terá 3 horas de duração e busca alcançar de 15 a 40 pessoas, de perfil diverso como descrito abaixo. Parte do pressuposto que a teoria de mudança é ferramenta importante e potente para apoiar grupos no trabalho de qualificação, comunicação e avaliação de suas iniciativas.

17h30 Palestra e lançamento de livro: “Primer DICCIONARIO Mbya Ayvu-Español-Mbya Guarani – Anexo Pentatraductor – Mbya Guarani – Español – Guaraní – Portugués – Inglés” Palestra
Local: Auditório
19h00 Conferência Especial: Fronteiras, mobilidades e identidades Conferência
Local: Auditório
08h00 Exposição fotográfica “Infância, Cultura e Tradição” Exposição
Local: Auditório

Exposição Fotográfica

13h00 Minicurso 07 – Da cosmovisão congolesa ao sincretismo do Congado mineiro: conexões e ambiguidades simbólicas do além mar Minicurso
Local: indefinido.

Este minicurso pretende discutir as possíveis conexões entre a cosmovisão congolesa e os referenciais simbólicos do Congado mineiro, analisando os significados complexos e ambíguos que atravessaram o Atlântico durante a diáspora forçada pelo tráfico negreiro e que colocaram em contato matrizes culturais distintas, mas em contínuo processo de ressignificação e recriação. Propomos que tais conexões sejam pensadas através de uma abordagem abrangente que considere tanto a dimensão violenta de relações culturais gestadas num contexto colonial escravista, quanto o potencial de resistência presente no uso de ambiguidades estratégicas que incorporaram elementos da cultura dominante sem, no entanto, perderem suas referências originárias. Temos em vista o diálogo e compartilhamento de reflexões e experiências desenvolvidas ao longo de projetos de pesquisa atualmente em curso na Universidade Federal de Minas Gerais que integram pesquisadores do Departamento de História e do Departamento de Letras e têm investigado os ritmos, cantos, danças e rituais que compõem o festejo do Congado na região metropolitana de Belo Horizonte.

13h00 Minicurso 11 - Abordagens Sociológicas sobre as Teorias Sociológicas do Envelhecimento: Atividade e Desengajamento Minicurso
Local: indefinido

O minicurso tem por objetivo trazer abordagens sobre as Teorias Sociológicas do envelhecimento no âmbito da sociologia. A partir da década de 1970 o estudo do envelhecimento humano ganhou espaço nos meios acadêmicos em algumas disciplinas como a sociologia, a antropologia e a psicologia social. Neste sentido, a proposta do minicurso versa sobre as teorias sociológicas do envelhecimento oriundas da gerontologia social (1940-1980) se mostra relevante em razão de ser uma temática que se encontra em destaque nas sociedades atuais. A intenção é abordar este tema no campo das ciências sociais trazendo discussões acerca da velhice na contemporaneidade.

 

13h00 Minicurso 12 – Cultura e arte em perspectiva latino-americanas Minicurso
Local: indefinido

A proposta desse mini-curso é explorar como arquétipos imagéticos e sonoros-musicais constituem elementos que engendram significados culturais para a América Latina. Para isso, propomos duas discussões teóricas norteadoras. Por um lado, a perspectiva decolonial como crítica epistemológica, aplicada ao fazer artístico, e como contra-ponto a uma visão de mundo monocromática. Por outro, compreender as manifestações musicais populares em contextos de globalização e em relação às indústrias culturais. Para abordar tais discussões, serão utilizados como estudos de caso, respectivamente, o muralismo mexicano e a cumbia peruana – em perspectiva histórica e sociológica. A partir da discussão teórica e dos exemplos analisados, pretendemos sucitar a discussão acerca das manifestações artísticas e suas possibilidades de articular identidades, empoderare experiências subalternas e criar espaços interculturais de integração na América Latina.

13h00 Minicurso 13 – A arte da escrita acadêmica – aproximações entre cientistas e artistas Minicurso
Local: indefinido

Proponho analisar a relação pesquisador/tese em equidade à relação artista/obra, possibilitando dessa forma, pensar a escrita acadêmica como uma prática de ateliê. Quando refletida nesse sentido, ela se desdobra para a interação de um Outro, que interfere e também atua modificando suas crenças constitutivas de composição. A escrita se abre para diálogo e mais ainda: é assumida como uma prática a ser ensinada e aprimorada. Ela se desnuda, tal como a arte, da “aura” e do “dom” que justificam sua feitura. As minúcias que refletem o processo de composição são expostas, e se torna evidente as inúmeras relações de poder e vozes de autoridade que estão presentes no processo de criação.

16h00 Conferência de Encerramento: “La amnesia del Imperio. Para una nueva poética de la Relación” Conferência
Local: Auditório

Local

Universidade Federal da Integração Latino-Americana - UNILA - 85870-650, Avenida Tarquinio Joslin dos Santos, 1000, Loteamento Universitário das Américas, Foz do Iguaçu, Paraná,

Organizador

Centro Latino-Americano de Estudos em Cultura - CLAEC

O Centro Latino-Americano de Estudos em Cultura – CLAEC tem como objetivo central a realização de estudos e análises de ações, projetos, programas e políticas desenvolvidas na área da cultura entre os países que integram a América Latina. Cultura, Ciência e Educação na América Latina.