II Encontro Estadual de Mulheres Negras RJ

Bem vindas!

O II Encontro Estadual de Mulheres Negras RJ, Contra o Racismo, a Violência e pelo Bem Viver acontecerá nos dias 09 e 10 de novembro de 2018, na cidade de Niterói-RJ, na Escola de Enfermagem Aurora Afonso Costa, da UniversidadeFederal Fluminense.

É um momento preparatóriocartazdoEncontro Nacional de Mulheres Negras 30 Anos – Goiânia, 06-09 de dezembro de2018, em Goiânia, uma iniciativa de articular as mulheres negras brasileiras, organizações de mulheres negras, assim como outras organizações do Movimento Negroe de todo tipo de organização que apóie a equidade sócio-racial e de gênero.
Fonte:Encontro Nacional de Mulheres Negras 30 Anos - Goiânia, dezembro de 2018

Com base na Carta doGuará, aprogramação do II Encontro Estadual,está em construção, mas deverá contemplartemas sobre análise da conjuntura política, trabalho, educação, cultura, racismo religioso, saúde da população negra, diversidade, geracional e entre outros. Os documentos de base para as discussões estão aqui. Não deixe de ler e discutir cada um deles com sua instituição/comunidade.
Durante o evento, teremos uma Feira de Empreendedoras.

Princípio geral
Fazer um Encontro que possa estabelecer trocas entre as mulheres negras e a celebração de sua resistência e autodeterminação ao longo dos anos.

Princípios Específicos

1.Resgaste histórico da essência das mulheres negras;
“Aonde eu estava em 1987?”;
2.Nossos encontros, com nossos feminismos e outras formas de organização;
3.Políticas públicas: a visão das mulheres negras, para além dessas políticas relacionados ao Estado, Democracia, Sociedade em busca da igualdade e equidade;
4.Autonomia: estabelecimento deparcerias conscientes com os diferentes organismos governamentais, não governamentais e sociedade civil reconhecendo as mulheres negras como sujeitos de direitos e protagonistas políticas;
5.Concepções para a economia, desenvolvimento, terra e território, trabalho, empreendedorismo, saúde, educação, cultura e espiritualidade, geracional, segurança, seguridade social, ambiental e direitos humanos;
6.Visões para o futuro: O Bem Viver como um padrão de civilidade com o resgate das práticas de vida das mulheres negras

Da Organização:

1. MUNICÍPIO:Niterói
2. LOCAL:Escola de Enfermagem Aurora Afonso Costa/Universidade Federal Fluminense
(inscrições limitadas a 200 por conta da capacidade)
A Escola de Enfermagem/UFF fica a 11minutos da Estação Barcas-Niterói, a pé. De ônibus, este site pode ajudar a encontrar a linha que mlehor lhe serve:https://onibusnorio.com.br/wp/index.php/2015/11/09/linhas-e-itinerarios-busca-como-chegar-de-onibus/.
3. DATA:09 (17h às 20:30h) e10de novembro de 2018 (8h às 20:30h)
4. COMISSÕES (em formação, faça parte!)


Comissão Executiva –
Metodologia –Wânia Sant’Anna, Rosalia Lemos, Isabel Cruz, Mônica Gurjão, Ana Paula Santos, ...
Comunicação –Graziela Martins, Sueli Beatriz, Luciana Silva,Jamile Santis, Valéria Neves,Mohara Vale, Wania Sant’Anna...
Mobilização –Jurema Gomes, Nanci Rosa, Eliane Arruda, Adriana Martins, Nilza Lima, Jacqueline Vicente, Fatima Malaquias, Rosalia Lemos, ...
Finanças –Eliana Maria Custódio, Dácia Teles, Wânia Sant’Anna, Rosalia Lemos,Mariângela Alves, Rita Brandão...

Mulheres negras do interior, da capital, dos quilombos e do litoral do Estado do Rio de Janeiro mostram união contra o racismo, a violência e pelo bem viver, bem como organização para lutar para que direitos da população negra sejam mantidos e ampliados.

Sejam Bem Vindas para o II Encontro Estadual de Mulheres Negras 30 Anos - Eu Vou!Traga cartões de visita e outros materiais para trocar com as companheiras!

Rede de Mulheres Negras

Sobre a Rede de Mulheres Negras - RJ:

Nossos passos vêm de longe...

... mas, o marco da Rede é a Marcha das Mulheres Negras ,de todas as partes do Brasil, que em 18/11/2015, em Brasília, não só foi um protesto contra o racismo e a desigualdade social e de gênero no país, como também foi a apresentação de sua Agenda, na Carta das Mulheres Negras, para a sociedade brasileira avançar em inclusão, equidade e justiça, entre outros direitos humanos.

Missão:

A Rede de Mulheres Negras- RJ, é uma articulação plural, autônoma e independente, éo resultado do processo ativista dos diversos níveis de atuação do movimento de mulheres negras, institucionalizado ou não, no Estado do Rio e também no Brasil e no exterior, trabalhando local e globalmente para a consecução da agenda sintetizada na Carta de Brasília 2015, a saber:

  • direito à vida e à liberdade

  • promoção da igualdade racial e de gênero, entre outras

  • direito ao trabalho, ao emprego e à proteção das trabalhadoras negras em todas as atividades

  • direito à terra, território e moradia/direito à cidade

  • justiça ambiental, defesa dos bens comuns e a não-mercantilização da vida

  • direito à seguridade social (saúde, assistência social e previdência social)

  • direito à educação

  • direito à justiça

  • direito à cultura, informação e à comunicação

  • segurança pública baseada nos Direitos Humanos

Como equidade importa, destacamos da Agenda Política da Marcha das Mulheres Negras - 2015

  • Fomentar a participação na política nos espaços de decisão e nosórgãos públicos, garantindo a paridade e as condições materiais esimbólicas para o empoderamento e o fortalecimento da participaçãodas mulheres negras nas esferas de poder

  • Fortalecer políticas públicas voltadas para a redução da evasão escolar,defasagem idade-série dos alunos pertencentes aos grupos étnicos eraciais discriminados

  • Promover a valorização do trabalho das mulheres negras, coibindopráticas discriminatórias no mercado de trabalho, tais como salários
    desiguais para funções e cargos iguais, entre outras;

  • Erradicar a mortalidade materna de mulheres negras, aprimorando aspolíticas em curso e incluindo o quesito cor na avaliação de risco; e

  • Promover ações de enfrentamento ao genocídio da juventude negra,com a participação ativa dos grupos envolvidos

#MarchaDasMulheresNegras#MulheresNegras #BlackGirls #Negra #PretasPardas#Brasil #Afro#Preta #Luta#Negras #BlackWomen#MexeuComUmaMexeuComTodas #FeminismoNegro#MeToo e #EuTambém#TrateSeuPreconceito#BlackLivesMatter #VidasNegrasImportam #DécadaAfro #DiaDaConsciênciaNegra#ConsciênciaNegra #NovembroNegro#EmDefesaDaVida #Planeta5050 #ODS #Agenda2030 #EquidadeDeGêneroRaça#contraadiscriminaçãoracial

Leia mais... →

LOCAL DO EVENTO

Escola de Enfermagem Aurora Afonso Costa/UFF - Rua Doutor Celestino, 74, Centro, Niterói - Rio de Janeiro