Diante da redução dos casos e mortes em decorrência da pandemia da Covid-19, bem como o aumento do número de pessoas da comunidade escolar vacinadas, o governo estadual e também os municipais estão se organizando para a retomada das aulas na modalidade presencial. Entretanto, diversas são as dúvidas e incertezas desta comunidade, pois a vacinação de crianças e adolescentes do estado ainda não foi iniciada, muitos professores só foram vacinados com a primeira dose, existem diversas dúvidas e questionamentos sobre os protocolos de biossegurança dentro e fora do ambiente escolar que carecem de respostas; muitas escolas da rede pública não foram adaptadas de fato para esse retorno; não houve treinamento adequado dos membros da comunidade escolar sobre como deverão proceder para que os protocolos de biossegurança sejam seguidos e assim a integridade física destes atores seja preservada. Outro ponto que cabe destaque nesse contexto diz respeito aos impactos causados na saúde mental dos membros dessa comunidade pela pandemia e seus desdobramentos, porque muitos alunos, professores, pais e etc, estão em processo de elaboração do luto de familiares que perderam as suas vidas por conta das complicações da contaminação com o vírus Sars-cov-2 e/ou estão vivenciando readaptação por conta de sequelas causadas por contaminação deste mesmo vírus ou ainda estão tendo que lidar com falta de renda decorrente da crise econômica que foi potencializada por conta da pandemia. Ao que está posto, cabe destacar que a comunidade escolar foi o grupo mais afetado com a pandemia, porque a falta de estrutura e preparo técnico e metodológico para lidar com a situação pandêmica atual trouxe diversos prejuízos para o processo de ensino-aprendizagem e o reflexo disso podemos citar o aumento na evasão escolar (como exemplo dessa evasão podemos apresentar o número recorde de alunos faltantes no ENEM 2020 realizado em 31 de janeiro e 07 de fevereiro de 2021, na ocasião tivemos 68,1% de alunos faltantes no primeiro dia de prova e 71,3% no segundo dia), as dificuldades de adaptação da comunidade escolar em relação ao uso das Tecnologias de Informação e Comunicação (TICs); o rendimento escolar apresentado abaixo do esperado por muitos alunos; a dificuldade de mapeamento dos prejuízos educacionais por conta da aprovação automática de muitos alunos, etc. Faz-se necessário uma reflexão que considere os determinantes sociais diante desta conjuntura que explicitam que os alunos das escolas públicas foram os mais prejudicados nesse cenário. Além disso o descaso do poder público também precisa ser evidenciado. O MEC se apresentou como inoperante diante de toda a crise instalada na educação. Projetos de Lei que foram apresentados que buscavam mitigar os efeitos da pandemia para essa comunidade foram rejeitados. Reforça-se que segundo o artigo 196 da Constituição Federal (1988) “é dever do Estado a promoção de saúde por meio de políticas públicas”. Neste momento de tentativa de retorno das aulas na modalidade presencial é fundamental que sejam tensionadas as possibilidades e desafios dessa comunidade escolar, a partir das particularidades de cada realidade, de cada território. É urgente propor reflexões sobre o retorno das aulas presenciais sobre a perspectiva da psicologia escolar e como esta pode contribuir para essa tentativa de retorno, tendo em vista o seu posicionamento ético/político/crítico de modo que questões como a promoção de saúde, os impactos da pandemia, os protocolos de biossegurança para aula presencial, o preparo desta comunidade para essa retomada e as condições psíquicas desta comunidade para esse retorno, entre outras questões sejam postas à mesa para debate. Destaca-se a importância da Psicologia Escolar neste retorno das aulas presenciais em tempos de pandemia, bem como seu lugar de ponte entre os diversos atores da educação para que este retorno não seja realizado de forma abrupta, descontextualizada e sem as condições entendidas como necessárias para a sua execução.

Data do evento

25 de setembro de 2021, 14h00 - 17h00

Local do evento

Evento online
O link do evento ainda não foi informado