IV CONGRESSO INTERNACIONAL DE LITERATURA E ECOCRÍTICA

A conjugação da expressão artística, em suas mais diversas formas, ao campo de fenômenos ecológicos e do meio ambiente tem configurado mais uma das possibilidades de investigação no contexto dos estudos literários. E é na ampla fronteira entre os diversificados saberes nas áreas de Humanidades e das Ciências que desponta o IV Congresso Internacional de Literatura e Ecocrítica (CILE), iniciativa que reunirá pesquisadores nacionais e estrangeiros na Universidade Federal do Amazonas (UFAM), de 04 a 07 de junho de 2018.

Idealizado pela coordenadora geral do congresso e diretora da Associação para o Estudo da Literatura e Meio Ambiente do Brasil (ASLE-Brasil), Profª Drª Zélia Monteira Bora, a quarta edição do evento contará com palestrantes de países como Estados Unidos e Índia, bem como especialistas de institutos de ensino superior de todo o Brasil.

A proposta de expansão da educação ambiental em todos os níveis pelo viés interdisciplinar é o escopo do IV CILE para 2018, bem como a II Conferência Bienal da ASLE-Brasil, a ser realizada simultaneamente. A partir do eixo temático A morte da natureza - narrativas das águas e das florestas no Antropoceno, o congresso prossegue como um espaço de diálogos acadêmicos por meio da divulgação de uma relação mais ecocêntrica entre os seres humanos e não humanos e a esperada análise crítica sobre o problema da destruição da natureza e suas consequências para a vida do planeta.

Em nome de uma educação sustentável, um dos propósitos do encontro é a troca de experiências que resultem na conscientização das próximas gerações no sentido de minimizar a destruição ambiental. A presença do cientista Philip Fearnside, especialista em aquecimento global, abrirá as portas à unificação simbólica entre os saberes.

No IV CILE, tendências como Pós-Colonialismo, Ecologia, Ecocrítica, Ecofeminismo e outras tendências constituirão pontos de partida para as discussões mediante as especificidades de cada área e contexto, considerando-se a literatura como veículo e expressão essenciais na condução desses objetivos.

Realizado em agosto de 2012, em João Pessoa, na UFPB, O I CILE foi organizado em torno do tema interdisciplinar As Imagens da Natureza e as suas representações, contemplando ainda questões associadas a modernidade, globalização e emergência dos seres não humanos da natureza foram contempladas. Colaboraram na discussão especialistas do Peru, dos EUA e do Japão.

Já o II CILE, ocorrido de 29 de julho a 01 de agosto de 2014, em Valladolid, Espanha, na Universitas Castellae, mediante a parceria com a Asociación Interdisciplinar Iberoamericana de Literatura e Ecocritica, reforçou o debate sobre as problemáticas ambientais em níveis locais e globais, contando com pesquisadores da Espanha, Brasil, Chile, México, EUA, Portugal, Itália e Inglaterra. O sucesso do congresso acabou por fortalecer o processo de internacionalização do evento. Como resultado, a publicação do livro De Ecocritica y Animalia (BALLESTEROS, BORA, ESTEVEZ, 2015).

Por fim, o III CILE transcorreu em agosto de 2016, em João Pessoa, na UFPB, sob o tema Diálogos Ecocêntricos: arte, cultura e justiça, ocasião em que foi consolidada a proposta bienal do evento e criada, com o apoio de estudiosos de todo o país, a ASLE-Brasil, seguida da I Conferência Bienal da ASLE-Brasil. A participação de pesquisadores de distintas áreas e países possibilitou um profícuo diálogo entre literatura, linguística, sociologia, filosofia, direito e música.

Data do evento

04/06/2018 a 07/06/2018

Local do evento

UNIVERSIDADE FEDERAL DO AMAZONAS (UFAM) - Auditório Rio Amazonas (FES)

Avenida Rodrigo Otávio

Coroado, Manaus - Amazonas

Leia mais... →

LOCAL DO EVENTO

UNIVERSIDADE FEDERAL DO AMAOZNAS (UFAM) - Auditório Rio Amazonas (FES) - Avenida Rodrigo Otávio, Petrópolis, Manaus - Amazonas